SOCESP
10 a 12 de junho de 2021

Tema Livre

TRABALHOS APROVADOS > RESUMO

O IMPACTO NEGATIVO DA PANDEMIA DO COVID-19 SOBRE OS DETERMINANTES DE SAÚDE FÍSICA E MENTAL DE UNIVERSITÁRIOS EM PERÍODO DE ISOLAMENTO SOCIAL

Mirian Priscila Ribeiro Furtado, Alexandre Galvão da Silva, Débora Dias Ferraretto Moura Rocco, Gisela Vasconcellos Monteiro
Universidade Santa Cecília - Santos - SP - Brasil

A Covid-19 é uma doença altamente contagiosa que exige medidas para lidar com a crise instaurada como distanciamento social, quarentena e isolamento social. Porém os efeitos destas medidas sobre a saúde física e mental da população necessita atenção. Objetivo: Analisar o impacto da pandemia do Covid-19 sobre os determinantes da saúde física e mental de alunos universitários durante o isolamento social.Metodologia: O estudo foi realizado através de questionários que foram respondidos através do formulário do Google por 511 universitários. O questionário SF-36 foi respondido por 511 universitários e é um instrumento de avaliação da qualidade de vida. O questionário de saúde mental positiva (QSM+) foi respondido por 447 universitários e trata-se de uma série de afirmações, sobre a forma de pensar, sentir e agir, apresentando 39 questões. Resultados: Após a tabulação dos dados, os resultados referentes à aplicação do questionário SF-36 foi o da tabela 1. A tabela 2 demonstra a média e desvio padrão das 6 dimensões do QSM+ e o resultado total do questionário. Conclusão: Considerando os dois questionários, as dimensões referentes a dor, estado geral da saúde, vitalidade, aspectos sociais e saúde mental necessitam de uma maior atenção, para que medidas de melhoria destes aspectos sejam tomadas pelos profissionais da área da saúde. Os resultados demonstram que a pandemia impactou negativamente a saúde mental e física dos universitários em isolamento social.

Tabela 1 - Resultado da média e desvio padrão das dimensões obtidas pelo questionário SF-36 sendo que 0 é o pior escore e 100 o melhor .

SF-36

 

Média

Desvio Padrão

Capacidade funcional

79,1

14,5

Limitação por aspectos físicos

63,2

32,6

Dor

42,7

18,0

Estado geral de saúde

47,7

15,4

Vitalidade

51,0

14,4

Aspectos sociais

51,3

19,3

Limitação por aspectos emocionais

63

31

Saúde mental

40,3

20,8

 

Tabela 2 - Média e Desvio padrão das 6 dimensões do QSM+, sendo a pontuação mínima e máxima das dimensões são: Satisfação pessoal (8/32); Atitude pró-social (5/20); Autocontrole (5/20); Autonomia (5/20); Resolução de problemas e realização pessoal (9/36); Habilidade de relação interpessoal (7/28) e Total (39/156)

QSM+

Média

Desvio padrão

Satisfação pessoal 

23,09 

4,98

Atitude pró-social

11,08

1,95

Autocontrole

11,75

2,77

Autonomia

15,11

3,24

Resolução de problemas e realização pessoal

17,19

3,93

Habilidade de relação interpessoal

19,55

3,69

Total

95,73

1,12

 

 

 

Realização e Secretaria Executiva

SOCESP

Organização Científica

SD Eventos

Agência Web

Inteligência Web
SOCESP

41º Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo

10 à 12 de junho de 2021